Início de produção da linha GROB da Peugeot na Polônia : GROB-WERKE GmbH & Co. KG
Em janeiro do presente ano teve início o conceito de linha completa para a fabricação de diferentes motores a gasolina e diesel, conceito esse que começou com a Opel e implementado seguidamente na Peugeot, após a aquisição da Opel pelo grupo PSA. O contrato abrangia a fabricação integral de cabeçotes e blocos de motor, bem como a montagem de motores. Assim, salvo raras exceções, a GROB ficaria responsável pelo fornecimento de quase todas as máquinas e instalações para a fabricação de motores da fábrica da Peugeot em Tychy, na Polônia. O volume de investimento referente às instalações completas foi de quase 100 milhões de euros.

O planejamento para o projeto de fabricação de motores para a Opel foi iniciado no fim de 2012, altura em que a marca fazia parte do grupo GM-Europe. Durante a fase de proposta, e em estreita parceria com os responsáveis pelo planejamento da Opel, foi desenvolvido um conceito de linha completa altamente flexível para a fabricação de diferentes motores a gasolina e diesel da família "CSS" (três e quatro cilindros) da General Motors. Em meados de 2015, o contrato para a fabricação integral de cabeçotes e blocos de motor, bem como a montagem de motores foi adjudicado à GROB. A vantagem da GROB: a GROB-WERKE, como fornecedor de um sistema global, apresenta efeitos de sinergia valiosos comparativamente à concorrência. Assim, salvo raras exceções, a GROB ficaria responsável pelo fornecimento de quase todas as máquinas e instalações para a fabricação de motores da fábrica polonesa em Tychy, na Polônia.

 

O volume de investimento referente às instalações completas inclui cerca de 150 estações de montagem, bem como 28 máquinas G520, 21 centros de usinagem G500 e oito estações de montagem e teste de vazamento para corte mecânico, perfazendo um valor total de quase 100 milhões de euros. A produção da instalação em causa tinha sido inicialmente determinada para um volume de 300.000 peças por ano. A dimensão da seção de montagem de motores é enorme: quase 180 metros de comprimento e 90 metros de largura. Juntamente com as linhas de corte mecânico, a montagem de motores requer uma área de 25.100 metros quadrados. Isso corresponde aproximadamente a três quadras de futebol e meia.

 

O grupo PSA adquire a Opel inesperadamente

 

Quando da aquisição da Opel pela PSA, as primeiras instalações mal tinham sido enviadas para Tychy. As máquinas de corte mecânico já tinha sido alvo de uma recepção definitiva na fábrica do cliente, porém a linha de usinagem para a montagem de motores ainda estava sendo construída nas fábricas GROB-WERKE, exceto um número reduzido de estações que já tinham sido expedidas para Tychy. A preocupação súbita para com o futuro desse projeto foi finalmente posta de parte no verão de 2017, altura em que o grupo PSA atribui o contrato à GROB para reequipar todas as instalações PSA-Motor (EB). Salientando ainda a estipulação a curto prazo, após a adjudicação da encomenda, que previa uma nova redução do prazo em seis meses, para permitir um início de produção no início de 2019. Apesar do enorme desafio para todos os envolvidos a nível de prazos, custos e implementação, no fim, foi possível cumprir com todos os prazos graças à aplicação de várias medidas excecionais.

 

"Para a GROB, o projeto PSA tem uma importância muito especial em vários aspectos", afirma Thomas Neubert, Chefe de Departamento de Key Account Management da GROB (internacional). "Com a aquisição da Opel pelo grupo PSA durante o processamento da encomenda, nossos colegas foram confrontados com inúmeros novos desafios devidos, sobretudo, às diferenças de filosofia empresarial entre a General Motors e a PSA. Como já tivemos a oportunidade de realizar vários projetos com êxito para a PSA e como mantemos tradicionalmente um bom relacionamento com a Opel, foi possível aproveitar várias sinergias durante o processamento do projeto. Adicionalmente, também não é de menosprezar a importância de nossa filial GROB fundada em 2015 na cidade polonesa de Posen, permitindo-nos ser um parceiro de serviços confiável no local."

 

O grupo PSA (Peugeot Société Anonyme – Peugeot AG) é um fabricante de automóveis francês que detém as marcas Citroën, DS Automobiles, Opel, Peugeot e Vauxhall. Com base nos números das vendas, o grupo PSA é o segundo maior fabricante automóvel da Europa.